Divagando: Aceitar a si

24.10.15

hair and curly image
Hoje parei para pensar em algumas questões da vida, e principalmente sobre algo que passei quando mais nova e ainda passo hoje: Aceitar a si própria.
Quando eu tinha 10 anos uma PROFESSORA minha ficou falando que meu cabelo seria mais bonito liso, pra eu fazer uma escova permanente (ou algo assim). Nunca entendi muito bem o porque, mas quando fiz 12 anos, alisaram meu cabelo para eu ir numa festa e eu quis ter uma franja (na época, quase todas as meninas tinham), então resolvi cortar uma também, mas eu deixava a franja lisa (efeito de relaxamentos no cabelo) e o restante cacheado. Quando eu estava na oitava série, já no final do ano, iriam tirar as fotos pro tal álbum de formatura (coisa cara que uma ou duas fotos ficam legais) e disseram pra mim: Olha como você fica bem mais bonita de cabelo alisado!
Nunca diga isso pra uma garota que ainda não é confiante e que tem o cabelo crespo/cacheado. Até alguns meses atrás, eu olhava para o espelho após lavar o cabelo e achava-me ridícula, achava que precisava alisar o cabelo pra me sentir bonita. Quer dizer, vocês, querida sociedade, danificaram meu cérebro durante  todo esse tempo, dizendo que eu só seria bonita se passasse químicas e mais químicas no meu cabelo, colocasse ele em temperaturas absurdas pra esconder meus cachos, que só seria bonita com maquiagem e se eu perdesse uns quilinhos. Tem ideia do quanto isso é sério? A gente vive num mundo onde para ser bonita precisa ter cabelo longo, liso, ser magrinha, usar maquiagem o tempo todo e quem tem qualquer coisa fora desse padrão é feio.
Na cabeça de uma adolescente, isso é coisa séria:"se for preciso vamos por aplique, pintar o cabelo de outra coisa, alisar, fazer maquiagens permanentes, vomitar tudo que comemos durante o dia, porque celulite e estrias nos deixam feias, meu Deus, já viu aquela roupa na vitrine? Não tem meu numero mas vou comprar e fazer uma dieta que vi na revista que faz perder 10 quilos em semanas!"
E é assim que temos menos jovens e adultos que se aceitam como são. Só que a realidade é a seguinte: Existem pessoas de todas as medidas, alturas, cabelos, cores.. Enfim, como continuam padronizando a beleza, se ela está nos olhos de quem vê, e somos uma população tão miscigenada?
Não precisa cobrir sua pele com tanta maquiagem, nem esconder a cor ou o jeito de seu cabelo, ou mesmo do seus olhos se você achar que isso não é confortável. Seja você mesma, apenas, final, somos lindas do jeito que somos!
Não pensem que a fanfic acabou! Sim, eu sei que o final foi meio vago, mas é porque foi na visão de um só personagem. Dei uma pausa porque fica cansativo, mas teremos sim uma visão da história pela Paola, que contará os porquês que ficaram em aberto. Aguardem!!!

You Might Also Like

12 Comentários

Comentário(s)
12 Comentário(s)
  1. Sua professora devia ser bem feia.
    E devia apanhar na orelha.

    Acho lindo deixar o cabelo do jeito que é. E afro é lindo!! E cabelo é minha profissão, tenho categoria pra falar isso. Não estou puxando o saco. Estudei pra isso!!

    Bjkssssss

    Lelê

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade!
      Muito obrigada pelo apoio! <3

      Excluir
  2. Acho que ninguém deve dar piteco no cabelo dos outros...
    quem tem que gostar somos nos.. eu tinha cabelo cacheado mas por opção minha eu alisei.. devido a praticidade na hora de cuidar, mas as vezes sinto falta dos cachos!

    http://www.blahoestraich.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O meu eu também achava super prático, mas eu não me sentia bem com ele, é complicado.

      Excluir
  3. Adorei o post! Meu cabelo é cacheado, e eu usei ele durante anos preso num rabo ou coque. Demorei muito a aceitar ele como era, só não cheguei a fazer quimica porque tinha muito medo desses procedimentos! Hoje meu cabelo tá grandão e muito cacheado, e eu tenho tanto orgulho! É tão bom se aceitar *--*


    31 de Março

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É maravilhoso se aceitar <3

      Excluir
  4. Não vejo a hora da história continuar afinal quero saber todas as motivações dessa Paola pra matar ela mana
    olha Eu um vídeo e um post onde faço sobre aceitação capilar e outra sobre aceitação de modo geral, sempre digo que é bom mudar ainda mais quando isso te afz bem nao pra se encaixar mas por querer seria bom vc dar uma olhada pra entender a minha opinião
    sempre digo que aceitar-se é bom quando isso nao significa acomodação... gosto de ler as opiniões sobre esses temas :)

    www.meumuraldeideias.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Logo logo terá a continuação, só quero antes liberar outros posts <3
      E eu vi esses seus post e video <3
      Beijinhos <3

      Excluir
  5. Acredito que cada um deve usar, ser e tudo mais da forma que mais gostar. O importante é se amar.
    Ridículo o quanto as pessoas gostam de estipular/padronizar ''pessoas perfeitas''.
    Beijos!
    http://masenstale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Concordo plenamente contigo! <3

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Fico muito feliz com a volta do "natural", pois cresci numa siciedade (acredito que nem todos tenhm a mesma idade que eu), onde cabelo liso era "lei". Progressivas, alisamentos mais agressivos... Agora veio essa rebeldia linda e o que vejo são muitos blacks com atitude e beleza. :) O legal é que as garotinhas dessa época não vão passar pelo que muitos passaram quando era criança.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É maravilhoso, principalmente porque não existem mais preocupações, os cachos são um amor <3

      Excluir

• Fique a vontade pra comentar, respondemos e retribuimos assim que pudermos
• Os comentários são moderados para que possamos dar maior atenção a cada um deles

Like us on Facebook